Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas RODRIGO CONSTANTINO

Crítica à postura de comentarista


07/11/2020 04:00

Eduardo Martins
Belo Horizonte  


"Rodrigo Constantino fez uma live comentando o caso de Mariana Ferrer, caso em que a jovem foi estuprada e o autor do crime foi inocentado pela Justiça. Ao falar sobre o caso, o comentarista relativizou a culpa do estuprador e afirmou que em alguns casos de estupro a mulher também é culpada. Além disso, disse que se sua filha chegasse em casa de uma festa dizendo que foi estuprada, ele analisaria as circunstâncias e, possivelmente, não denunciaria o crime. Os absurdos proferidos por Rodrigo Constantino são um claro reflexo de um pensamento retrógrado que, infelizmente, ainda se mantém nas concepções de uma parte da sociedade, que em pleno 2020 ainda não evoluiu para entender que em casos de estupro a vítima nunca tem culpa, sendo a culpa inteiramente do estuprador. Rodrigo Constantino perdeu seu cargo na Jovem Pan e também na emissora Record, e é importante que essas empresas estejam tomando atitudes perante a postura inaceitável do comentarista, uma vez que perder o emprego é o mínimo que deve acontecer com alguém que 
pensa dessa forma e ainda divulga essas ideias como se fossem 
corretas e aceitáveis."

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade