Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas BANCO MUNDIAL

Reação à indicação do ex-ministro Weintraub


postado em 28/06/2020 04:00

José Carlos Saraiva da Costa
Belo Horizonte

"O Banco Mundial realiza atividades de assistência a diversos países no combate à corrupção, desenvolvimento de instituições jurídicas, projetos industriais, transportes, urbanização, energia, desenvolvimento rural, educação e saúde, entre outros. Os membros do conselho do banco, bem como seus advogados, conhecem o passado recente do economista Abraham Bragança de Vasconcellos Weintraub no governo do presidente Bolsonaro. É de conhecimento público que a exoneração de Weintraub só foi publicada no Diário Oficial após a sua saída do Brasil. A imprensa divulgou amplamente a frase que o ex-ministro disse na reunião de 22 de abril: ‘Eu botava esses vagabundos na cadeia, começando no STF’. É difícil acreditar que Weintraub será bem recebido nessa séria instituição."

Compartilhe no Facebook
*Apenas para assinantes do Estado de Minas

Publicidade