Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas POLÍTICA

Atitudes antipatrióticas em tempos de crise


postado em 31/03/2020 04:00 / atualizado em 30/03/2020 19:31

Humberto Schuwartz Soares
Vila Velha – ES

"O deslize do deputado Eduardo Bolsonaro no comentário sobre a origem de o coronavírus ser chinês repercutiu mal e o ex-presidente Luiz Inácio da Silva foi ágil em realçar. Numa atitude antipatriótica, objetivando prejudicar a relação entre Brasil/China e as exportações brasileiras, Lula, antes de viajar a passeio à Dinamarca, enviou uma longa carta manifestando apoio ao presidente chinês, Xi Jinping, da qual reproduzo três trechos: 'Em nome da amizade entre os povos do Brasil e da China, cultivada por sucessivos governos dos dois países ao longo de quase cinco décadas, venho repudiar a inaceitável agressão feita a seu grande país por um deputado que vem a ser filho do atual presidente da República do Brasil'; 'Lamento, entretanto, que o atual governo brasileiro não tenha feito ainda esse gesto pelos canais diplomáticos e por meio do próprio presidente da República, Jair Bolsonaro, que deveria ter sido o primeiro a tomar tal atitude'; 'Este governo passará, sem ter estado à altura do Brasil, mas nada poderá apagar os laços de amizade e cooperação que vimos construindo desde 1974, quando o então 
presidente Ernesto Geisel restabeleceu as relações entre o Brasil e a República 
Popular da China'. Quem tem sangue brasileiro nas veias, com o país em crise, não toma tal tipo de atitude."

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade