Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Publicidade

Estado de Minas MEIO AMBIENTE

Leitor defende gambás para evitar escorpiões


postado em 14/01/2020 04:00

Daniel Marques
Virginópolis – MG

Cresce o número de casos de picadas de escorpiões causando até mortes, devido o aquecimento global. Entretanto, as pessoas continuam matando os gambás, que são seus maiores predadores. Gambás comem carrapatos, escorpiões, cobras, possuem hábitos noturnos, não causam danos aos humanos e são imunes aos venenos de escorpiões. Infelizmente, as pessoas os confundem com ratos e os atropelam ou os matam, mas eles são marsupiais e mamíferos da mesma família dos coalas, os mesmos que as pessoas lamentam nas redes sociais que estão morrendo nos incêndios na Austrália. A população deve cuidar e proteger os gambás como se fossem agentes exterminadores de pragas perigosas e mortais. Infelizmente, nossos governos são omissos e não alertam a população e os agentes de saúde para cuidarem desse importantíssimo aliado para minimizar os impactos decorrentes
das pragas advindas com o aquecimento global.


Publicidade