Publicidade

Estado de Minas ESPAÇO DO LEITOR

Espaço do leitor


postado em 07/08/2019 04:00



DESMATAMENTO
Brasileiro em defesa da Amazônia
José Pedro Naisser - Curitiba
"Presidente, o Brasil, o senhor e o ministro do Meio Ambiente foram escancarados na União Europeia, principalmente pela revista The Economist, que colocou na primeira página para o mundo inteiro ler o título 'Um velório para a Amazônia'. Muito triste isso, porque em junho foram 1.864 quilômetros quadrados devastados, sem nenhuma fiscalização por parte do Ibama, que sofre ameaças dos  garimpeiros, grileiros e madeireiros. Foram dois milhões de árvores derrubadas e nada foi feito. O senhor diz que não tem estratégia nas suas decisões, mas pense no que falou para o jornal O Globo em 31/7/2019, que pensa em incentivar o garimpo e coalhar o país de 'Serras Peladas', cujas fotos do Sebastião Salgado viajaram o mundo como se fosse uma catástrofe, e o senhor pensa em repetir. Reflita, Bolsonaro, sobre seus netos. A Amazônia nos foi dada pelo Criador e, agora, querem a sua devastação. Ainda é tempo, faça um exame de consciência, aceite minha sugestão. O senhor estará em setembro na Assembleia Geral da ONU, e como irá enfrentar os protestos, sua estratégia do desmatamento não irá funcionar. Pense na Amazônia como um patrimônio, não nosso, mas sim da humanidade, pois lá é que tem a maior biodiversidade do planeta e lá se formam os rios voadores, que trazem as nuvens que se transformam em chuvas para o Sul e o Sudeste. Em nome da natureza e da vida, repense suas estratégias e determine ao nosso ministro Sérgio Moro que mande a Força Nacional para evitar uma nova tragédia. Cuidem, principalmente, do Parque Nacional do Xingu, objetivo dos  garimpeiros em terras indígenas. A natureza e a vida no planeta Terra pertencem, também, aos que estão por vir. Pense nisso."

RODOVIAS
Sobram promessas para Minas Gerais
Ivan Silva - Itabira – MG
"Na mesma época em que fizeram a promessa de duplicação da BR-381, foi feita, também, a da BR Régis Bittencourt. Como esta fica no estado de São Paulo, foi duplicada. Para Minas falta tudo e sobram promessas. Os ex-presidentes Fernando Henrique Cardoso, Lula da Silva e Dilma Rousseff  prometeram duplicar a estrada e não o fizeram. Prefeitos e população protestaram. E não adiantou. Para Minas, como de praxe, somente 'verbinhas' de emendas parlamentares para reforma de grupo. Essa sacanagem apresentada pela ANTT não pode ser  aceita. O vale do Mucuri, no Leste de Minas, Vale do Aço e cidades da Região Central perderam vários investimentos pela demora da duplicação. São 30 anos de espera. Estão pedindo mais 21 anos, mais um tapa na cara dos mineiros, estado que só contribui."

REARRUMAÇÃO
Assinante propõe reformas no país
Humberto Schuwartz Soares - Vila Velha – ES
 "O Brasil arrecada muito, gasta mal e é mínima a contrapartida. É preciso disciplinar o uso dos recursos disponíveis e a área política carece de  rearrumação. A profusão de partidos políticos é prejudicial à democracia e assaz  dispendiosa. Em 2018, torramos R$ 2,6 bilhões com fundos políticos. E, em 2020, serão R$ 3,7 bilhões, 12.062 vezes a maior Mega-Sena da Virada, de R$ 307.718.743,68, em 2017. Além da reforma da Previdência, é de suma importância a reforma política, mantendo o espírito democrático. Bastam três partidos, de centro, esquerda e direita; redução de um terço no número de legisladores  e, aos federais, após três semanas em Brasília, folga de uma semana com passagens sem custo, só uma vez por mês; e redução, também, dos penduricalhos, além de manter no máximo 10 assessores por congressista. Nas câmaras municipais, cinco assessores por vereador e apenas a ajuda de custo de 10 salários mínimos nos municípios com mais de 400 mil eleitores. Eleições unificadas de quatro em quatro anos para todos os cargos eletivos e R$ 1,5  bilhão de fundo partidário só em ano eleitoral, ou seja, R$ 500 milhões para cada um dos três partidos. Em resumo, a função política será a de servir ao país, em vez de se servir do país."

NO EM.COM.BR

DNIT EM MG É ALVO DE OPERAÇÃO POR DESVIO EM OBRAS DE QUASE R$ 500 MILHÕES
"Aqui, na minha cidade, no interior, começaram uma ponte faraônica. Sem a menor necessidade desse tamanho. Claramente, para desviar verbas. E, pior, está sem concluir, pois o dinheiro acabou. Tem que prender todos os envolvidos. Vergonha! Ou melhor, 'ponte da vergonha'!"
Emerson Leoni

"Meu Deus, não tiveram 'dó' nem de Minas Gerais, estado que não consegue resolver nem o estrangulamento de dois viadutos do Anel Rodoviário. Sacanagem demais."
Marcelo F

"Suas excelências Aécio, Pimentel e Anastasia combinaram todos esses anos com as respectivas quadrilhas em surrupiar o Dnit e outros órgãos do estado. Isso é PT, isso é PSDB, simples assim."
Caio

NO FACEBOOK

CASAL PEDE SOCORRO AOS BOMBEIROS AO CONFUNDIR CALCINHA COM COBRA COM CHIFRES EM MINAS
"É cômico, para não dizer trágico, uma calcinha na cozinha e atrás do fogão."
Lucia Alves 

"A erva que eles usaram só pode estar vencida."
Juliana Rocha

"Misericórdia, além de dois metros, ainda tinha chifre."
Cristiana Teixeira

"Só podia ser em Uberaba mesmo."
Luciana Givenchy 

VEREADOR QUE ASSUMIU NO LUGAR DO COLEGA CASSADO EM BH É RÉU POR DESVIO
"E há quem acredite que essas pessoas irão mudar o rumo de suas vidas. Trágico."
Breno Peterson

"Normal. A classe política, no Brasil, salvo raríssimas exceções, está  completamente sucateada!"
Sérgio Soares Macedo

"Não tem como acreditar em político! Quando a gente pensa que tirou o 'sujo' e colocou o 'limpo', este é pior que o outro."
Elizete Oliveira


Publicidade