Conteúdo para Assinantes

Continue lendo ilimitado o conteúdo para assinantes do Estado de Minas Digital no seu computador e smartphone.

price

Estado de Minas Digital

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas digital por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Espaço do leitor


postado em 09/02/2019 05:04

 

 







cartas:




BARRAGEM DA VALE

Cidadão questiona local 
do refeitório destruído

Antonio Jose Gomes Marques
Rio de Janeiro

"Tem muita gente que adora contar piada de português como se eles fossem burros. Mas o que aconteceu em Brumadinho deveria ganhar, no Guinness Book, o 'Asno de diamante'. Visto que alguém formado em faculdade de renome, e talvez com PhD, ou doutorado, fazer o restaurante dos funcionários abaixo da barragem, só mostra que em matéria de piada, a do português tem que ser esquecida. Afinal de contas, em questão de engenharia civil, Portugal está bem na fita."


BRUMADINHO
Missão israelense
de resgate no Brasil

Silvio Musman
Belo Horizonte


"Desde sua independência, declarada em maio de 1948, o Estado de Israel convive com situações de guerra e atentados terroristas, colocando em risco sua população civil. Esta condição exigiu de suas Forças Armadas o aprimoramento de técnicas de defesa territorial e, em paralelo, de resgate e socorro a vítimas de tragédias naturais e secundárias a atentados terroristas. Um grupamento especial composto por engenheiros, médicos, socorristas, bombeiros, marinheiros e outros profissionais afins, ligado às Forças de Defesa de Israel (IDF), vem desde os anos 80 se aperfeiçoando e atuando ao redor do mundo, auxiliando países e povos em risco e vítimas de catástrofes. Índia, Egito, Sri Lanka, Quênya, Haiti, Japão, Turquia, Gana, Nepal e México são exemplos de locais onde o grupamento já atuou, levando sua experiência em ajuda humanitária. Mais recentemente, palestinos e sírios, inclusive os capacetes brancos, também já foram auxiliados. O grupo atua em qualquer parte do mundo, independentemente de ideologias locais. Junto com outros 80 países, Israel pertence ao corpo do Grupo Consultor Internacional de Busca e Resgate (Insarag), entidade ligada à ONU que treina e estabelece diretrizes de atuação nessas situações de tragédia humanitária. Recentemente, 130 de seus membros, sendo 70 reservistas e todos os demais voluntários que abandonaram suas vidas familiares e profissionais, chegaram ao Brasil para trabalhar de mãos dadas com as autoridades locais na tragédia do rompimento da barragem em Brumadinho. Um dos grandes diferenciais do grupamento israelense é o auxílio de avançadas tecnologias. No caso brasileiro, avançados sistemas de localização de celulares, sonares marinhos e drones fizeram a diferença. Utilizando informações sobre a composição química da lama, os sonares puderam localizar corpos e encontrar componentes da sede administrativa. A gradual redução da probabilidade de se encontrar vítimas ainda vivas tornou improdutiva a permanência da maioria absoluta dos membros da equipe israelense. Fica o sentimento de mais uma missão cumprida pelo grupamento israelense, mas com a imensa tristeza pela impossibilidade de se salvarem vidas humanas. Nossa esperança de que suas perdas não sejam em vão e que sirvam de aprendizado para se evitarem novas tragédias dessa natureza."

 

 

FUTEBOL
Cruzeirense elogia
contratações do clube 

José Dias Sobrinho
Timóteo – MG

"A equipe do Cruzeiro está mais forte este ano. Trocou peças, umas inúteis e outras que não funcionaram, para melhor. Precisará reforçar a defesa. Rodriguinho e Marquinhos Gabriel encaixaram neste quebra-cabeça. Tem elenco para ganhar o Brasileiro, Copa do Brasil ou Libertadores."

INTERNET

 

Dois jogadores mineiros estão entre os mortos da tragédia no CT do Flamengo, no Rio

“Que Deus conforte os corações dos familiares neste momento difícil.”
. Ronaldo César

. STF AVALIA CORTE DE SALÁRIOS DE SERVIDORES PÚBLICOS ESTADUAIS

“Basta cortar as mordomias das folhas do Judiciário e do Ministério Público. Mas como sempre, irão cortar na carne do Executivo. E o Legislativo nem sequer é cogitado a entrar nesses cortes.”
. Daniel De Paula

’VAMOS SER DUROS COM A VALE’, DIZ MINISTRA DAMARES ALVES EM VISITA A BRUMADINHO

“É o que esperam todos os brasileiros. Os responsáveis têm que ir para a cadeia. É CPI de Brumadinho já!”
. Haroldo Cesar

“Só conversa para boi dormir. O governo vai proteger a Vale e apontar que foi acidente natural. Quem desejar ser indenizado pela Vale que procure seus direitos na Justiça brasileira, tudo em casa. Essa empresa e o governo são cúmplices de tragédias e mortes, mas, como estão alinhados e afinados, um protege o outro.”
n Sergio Ernani de Oliveira

SIRENES TOCAM EM BARRAGEM DA VALE EM BARÃO DE COCAIS E MORADORES SÃO RETIRADOS

“Pois é, em Barão de Cocais a barragem é da Vale. E a Vale, de madrugada, retirou o povo e levou para um ginásio. Nessa mesma madrugada, tocou a sirene em Itatiaiuçu (MG), perto de Brumadinho, mas a barragem não pertence à Vale, ela é administrada pela Açominas, e o que foi feito? A Açominas tirou o povo e o conduziu para hotéis, onde passou a noite e teve café da manhã. Pergunta: por que a Vale não faz o mesmo?.”
. Tereza da Silva

“Acho interessante o termo preventivo dessas empresas, ambos diferentes. Pra mim, ressalta o tamanho da imprudência das duas mineradoras. Agora os moradores vão ter que viver o resto da vida nessa situação. Entre fazer o mais fácil e o certo, sempre faça o certo.”
. Rosana Souza

Jogadores do Atlético fazem oração e respeitam um minuto de silêncio antes do treino em homenagem às vítimas do incêndio no Centro de Treinamento do Flamengo

“São adolescentes na idade do meu filho que tiveram seus sonhos interrompidos.”
@roseapolinario

“O problema é que não há punição.”
@vanhaivanenko
 


Publicidade