Conteúdo para Assinantes

Continue lendo ilimitado o conteúdo para assinantes do Estado de Minas Digital no seu computador e smartphone.

price

Estado de Minas Digital

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas digital por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Espaço do leitor


postado em 05/01/2019 05:04

 

 

 

 

cartas:




Futebol
Torcida por Luan
no Atlético

Ivan Silva
Itabira – MG

“Tomara que prevaleça o bom senso e o craque e raçudo Luan fique para disputar a Libertadores, Copa do Brasil, Campeonato Brasileiro e Campeonato Mineiro. Não podemos nos esquecer dos gols decisivos que ele fez na Libertadores e o decisivo na Copa do Brasil, no final do segundo tempo, contra o Flamengo, levando o Galão da Massa à final da Copa do Brasil e à conquista do título. Luan é jogador de fundamental importância para disputar esse torneio e se identifica com a torcida. Tem tantos jogadores que poderiam sair, menos Luan.”

Passado
Ditadura e
democracia

Fábio Moreira da Silva
Belo Horizonte

“‘Na noite de 13 de dezembro de 1968, logo após o Congresso ter negado o pedido de licença para processar o deputado Márcio Moreira Alves por um discurso feito da tribuna, o então presidente Artur da Costa e Silva reuniu o Conselho de Segurança Nacional e baixou um novo ato institucional que dava ao governo poderes absolutos, podia fechar o Congresso e as assembleias, cassar mandatos e suspender os direitos políticos de qualquer cidadão, demitir e remover juízes, decretar o Estado de sítio e suspender a garantia do habeas corpus em todos os casos de crimes contra a segurança nacional.’ Esse texto acima dá início ao capítulo ‘A imprensa e o AI-5’, que integra o livro Farol alto sobre as diretas, escrito pelo jornalista Paulo Markun. Da instauração do Ato Institucional nº 5, que durou 10 anos de repressão e aprofundamento da ditadura militar, passaram-se meio século. Logo após o seu anúncio, conhecemos na historiografia os casos de centenas de pessoas presas, mortas e torturadas, assim como censores nas redações de imprensa cuidando de impedir que os noticiários tivessem qualquer crítica à nova ordem instalada. Em memória acerca dos 50 anos do AI-5 e dos desdobramentos desse tema, na matéria do Estado de Minas intitulada ‘O golpe mais duro da repressão militar’ (9/12/2018), há uma análise do antropólogo Lênin Pires, especialista em administração de conflitos, na qual destaca-se, ‘apesar do autoritarismo estatal muito enraizado no país’, o descarte de uma nova guinada desse tipo no país. Ora, lembramos que são fatos históricos a implantação de governos absolutistas em ciclos, sobretudo quando há enfraquecimento das instituições e até mesmo em meio à mobilização de múltiplas ideologias. Prova desse circuito de idas e vindas foi o Estado Novo no Brasil (1937-45), que, não muito distante do golpe de 1964, associou Getúlio Vargas a políticas sociais, porém, não em menor grau à ditadura implantada nesse período getulista. Na realidade atual, os extremismos das últimas campanhas eleitorais elevaram o tom em torno do assunto ‘ditadura’, em especial acerca das discussões fomentadas em torno da formação militar do presidente eleito Jair Bolsonaro, com seus gestos e discursos dados em campanha, assim como manifestações da tribuna parlamentar em que, à época então deputado federal, o atual presidente defendeu o regime ditatorial passado. A grande aposta no próximo governo, ou até mesmo desafio dele proposto, será tencionar as transformações, as chamadas reformas, em um ambiente democrático, o qual é propício a críticas, oposição, e sem censura prévia aos meios de comunicação e às atividades ideológicas, artísticas e culturais. No livro mencionado acima, há registros dos personagens em torno das movimentações das Diretas já, na década de 1980, berço da atual democracia. Na obra, há uma citação de um trecho do discurso de posse de Tancredo Neves, o qual jamais foi lido por ele: ‘Não chegamos ao poder com o propósito de submeter a Nação a um projeto, mas com o de lutar para que ela reassuma, pela soberania do povo, o pleno controle sobre o Estado. A isso chamamos democracia’.”

Bolsonaro
Demissões de
não concursados

Benone Augusto de Paiva
São Paulo

“Exmo Sr. presidente Bolsonaro, a sua atitude de, como responsável pelo atual governo, de expurgar os apaniguados em cargos públicos sem concurso é louvável e de pleno apoio da maioria dos brasileiros. Só alertamos e esperamos que sua Excia. não continue com o mesmo método no seu governo. Adote a todos, concursos para ocuparem os respectivos cargos na sua administração e estenda esse método a todas as assembleias legislativas dos estados e prefeituras municipais que, sabidamente, usam desse mesmo injusto e danoso critério.”



INTERNET


PASTA BASE DE COCAÍNA APREENDIDA NO AGLOMERADO DA SERRA RENDERIA R$ 3 MILHÕES

“Notícia muito boa, mas uma coisa que me preocupa é o que os bandidos vão fazer com a população para tentar recuperar esse prejuízo.”
. Leandro Batista

“Imagina quanto renderia um helicóptero com 500kg de pasta base?”
. Mozert

HOMEM SE MASTURBA EM FRENTE A CARROSSEL NO PARQUE MUNICIPAL E É PRESO EM FLAGRANTE
“Com o tempo, o que virou nosso Parque Municipal? Brinquedos velhos e malcuidado, sujeira para todo lado e uma galera de sujeitos estranhos. Não me recordo de ter visto policiais nas últimas vezes que levei minha filha lá. Só na entrada da Avenida Afonso Pena. Mas, devido a tudo isso, foram poucas vezes, duas ou três. Uma pena, tive bons momentos lá na minha infância.”
. Daniel


FACEBOOK


‘DIREITO ADQUIRIDO NÃO VAI SER VIOLADO’, DIZ MINISTRA SOBRE LGBTS“
As demandas sociais devem contemplar todos, e não apenas grupos ideológicos de esquerda, que usam pessoas desavisadas para ganhar mais dinheiro e público. Agora a torneira secou!”
. Silvio Almeida

“Essa mulher tem problema contra orientação sexual! Não é possível que uma ministra de uma pasta importantíssima fale sempre a mesma coisa! Vamos trabalhar, gente!”
n Gisele Andrade

“Sensato. Que Deus nos livre de tudo que for extremo. Nada de extrema direita ou esquerda. Eu, os meus filhos e netos merecemos um país equilibrado. Psíquica e socialmente.”
n Solange Aroeira

l CÃO É ARRASTADO POR 15 MINUTOS, AMARRADO A CARRO DO DONO, QUE ALEGA ‘DESCUIDO’
“Amarrar o cachorro para secar? Uai, ele disse que tinha levado os cães no pet shop para tomar banho, o secador do pet queimou?”
n Sandra Giseli

“Presidente Bolsonaro, altere a lei para os maus tratos aos animais. Matou um, tem que cuidar de 10 e fornecer ração.”
n Rosicler Manica


Publicidade