Assine agora o Estado de Minas digital por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Espaço do leitor


postado em 10/11/2018 05:06

 

BOLSONARO
Cidadão pede respeito pelo presidente eleito
Antonio Jose Gomes Marques - Rio de Janeiro
“Todos, sem exceção, no anseio de criticar algo do governo Bolsonaro, ainda fora do poder, em especial petistas, dito colunistas que não conseguem aceitar a derrota do Haddad, o pior prefeito de São Paulo desde a chegada do português Cabral. Além de outros que, indo nessa mesma maré, se esquecem de que Moro condenou Lula e o Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) referendou isso. E o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) confirmou sua inelegibilidade, ou seja, Moro foi o início, mas tudo foi feito às claras, nunca na calada da noite. Ao contrário do corrupto PT. Acorda, Brasil!”

AUSTERIDADE
Desejo de contenção de despesas no Planalto
Humberto Schuwartz Soares - Vila Velha – ES
“Reduzir o número de ministérios também reduzirá o número de funcionários? Tão ou mais importante que a redução de ministérios é, em nome da governabilidade, termos apenas três partidos políticos (centro, esquerda e direita) para atender a todas as correntes. Outra importante contenção de despesas é extinguir os dois fundos políticos, como o de campanha e o partidário, que em 2018 consumiram R$ 2,604 bilhões.”

GOVERNO
Pelo fim da troca de cargos por apoio
Jeovah Ferreira - Brasília
“O tempo dos caciques da política brasileira já passou. Quanto alívio,  parece um sonho. O Congresso Nacional, a partir das últimas eleições, terá uma atuação diferente. Os parlamentares irão pensar mais no bem do Brasil e menos no bem deles. O eleitor, agora, deu clara demonstração de que deseja ser representado, e não tratado como idiota. O lema agora será: ‘Apatia não, cobrança sim’. Como demorou a chegar esse momento. Jair Bolsonaro será o chefe máximo do Poder Executivo e não comerá nas mãos de ninguém. Ele porá fim ao toma lá dá cá. Aquela pouca-vergonha de partidos exigirem ministérios e cargos de 2º e 3º escalões em troca de apoio ao Executivo, prática que só alimentou a corrupção em nosso país, ficou para trás. Não ouviremos mais: José Sarney quer os ministérios tais e tais; Roberto Jefferson quer a sua filha no Ministério do Trabalho; fulano é indicação de  Renan Calheiros; e por aí vai. Citei José Sarney e alguém pode dizer: ‘O Sarney já não está mais no Congresso’. Não está, mas mesmo fora mandava e desmandava no Brasil. Sarney queria, todo mundo atendia. Ocorridos os dois turnos das eleições de 2018, ficou claro que não haverá espaço para essa prática nefasta. A sociedade brasileira não aceitará e o presidente Jair Bolsonaro também não. O Brasil sairá do buraco. Por favor, presidente Jair Bolsonaro, aceite os cumprimentos que vierem da parte deles, porém, não demore muito no aperto de mão. Encostou, já era.”

MINISTRO
Leitor questiona os contrários a Moro
Benone Augusto de Paiva - São Paulo
“Grande parte da nossa importante imprensa está torcendo o nariz pela indicação do juiz Sérgio Moro para o Ministério da Justiça. Seria por incompetência ou por temor da sua seriedade? Existem muitos outros setores que também não gostaram da sua indicação.”

NO EM.COM.BR
SEIS PESSOAS MORREM EM DOIS ACIDENTES EM MANHÃ CHUVOSA NA BR-381
“São motoristas que se acham ‘pilotos’. Na chuva ‘metem o pé’, querem andar mais que em pista seca, além dos abusos de velocidade!”
Alysson oliveira

“A velocidade máxima na estrada com chuva é de 80km/h. Dependendo do lugar, menos. Temos que enfiar isso em nossos cabeças-duras. Quando está chovendo e a pessoa sai a pé, ela toma todos os cuidados para não escorregar: segura em corrimãos, anda mais devagar. Por que não faz isso na estrada, que é muito mais perigosa?”
Ângela de Paula

NO FACEBOOK
DR. REY VAI À CASA DE BOLSONARO PARA PEDIR MINISTÉRIO DA SAÚDE, MAS NÃO É RECEBIDO
“O cara quer ser ministro da Saúde, mas nem sequer marca uma reunião com o presidente eleito. Acha que vai bater na porta da casa do Bolsonaro e pedir o ministério assim, na boa. É cada ser bizarro neste país...”
Wesley Venâncio

“Nada contra. É competente na área, senão ele não chegaria aonde chegou. Mas ainda prefiro o Henrique Prata.”
Rafael Stanke

“Ele é formado em medicina, com especialização em plástica, e economia pela Harvard, o 7º médico mais bem-sucedido do mundo. Acho que não precisa de mais nada.”
Rozana Guimarães

VICE-GOVERNADOR DE MG É PRESO EM OPERAÇÃO DA POLÍCIA FEDERAL
“Por isso não recebemos, está explicado. Onde está o dinheiro do estado? Eu quero meu 13º.”
Rogéria Siqueira

“Fizeram do cargo muita coisa, menos exercer a função de ministro e vice-governador! Pergunta pra ele por que não trouxe indústrias para o estado, evitando de afundá-lo.”
Hélio Guedes

“Que vergonha! Só investigar e achar roubalheira, esses políticos não estão com nada mesmo.”
Daís Cunha


Publicidade