Publicidade

Estado de Minas MAU FUNCIONAMENTO

Após mudanças, usuários voltam a reclamar do aplicativo Caixa Tem

Ferramenta tem sido alvo de críticas dos beneficiários do auxílio emergencial concedido pelo Governo Federal e de pessoas que tentam resgatar o FGTS


postado em 09/07/2020 16:27 / atualizado em 09/07/2020 17:09

Os erros do Caixa Tem têm sido frequentes desde a criação do auxílio emergencial, de R$ 600 reais(foto: CAIXA/Reprodução)
Os erros do Caixa Tem têm sido frequentes desde a criação do auxílio emergencial, de R$ 600 reais (foto: CAIXA/Reprodução)
Mesmo após a Caixa Econômica Federal anunciar mudanças no aplicativo Caixa Tem, usuários voltaram a reclamar da lentidão e de problemas no funcionamento do app, nesta quinta-feira (9). A ferramenta tem sido alvo de críticas dos beneficiários do auxílio emergencial concedido pelo Governo Federal e de pessoas que tentam resgatar o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) nas últimas semanas. 

De acordo com a Caixa, a mudança está na validade da sessão de cada usuário, que agora passa a ser de 72 horas. A ideia é evitar a necessidade de retornar para o fim da fila virtual caso a pessoa queira fazer um novo acesso nesse período.

Por meio de nota, o banco afirma que “o monitoramento e a melhoria contínua da solução permanece com dedicação exclusiva de várias equipes e provedores que estão trabalhando em turno integral para garantir o bom atendimento aos brasileiros.”

Mau funcionamento


Os erros do Caixa Tem têm sido frequentes desde a criação do auxílio emergencial, de R$ 600. Usuários têm ido às redes sociais reclamar do mau funcionamento do aplicativo, como mensagens de erro 403 ao abrir a plataforma e dificuldade de localizar contas.

A maior reclamação era a fila virtual, que agora, com a nova atualização, foi alterada.

Alguns clientes também apontam que o app não sai da tela durante horas e outros afirmam que, mesmo após superar a sala de espera, o serviço apresenta lentidão. Alguns relatos apontam horas de tentativas.

Usuários ainda reclamam

Mesmo após a atualização, internautas têm registrado a hashtag #CaixaTemNãoFunicona para apontar problemas do aplicativo. 

Veja:

*Estagiária sob supervisão da subeditora Kelen Cristina


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade