Publicidade

Estado de Minas

Processo para canonizar arcebispo é reativado


postado em 03/02/2015 21:01

São Paulo, 03 - O papa Francisco autorizou nesta terça-feira o prefeito da Congregação para as Causas dos Santos, cardeal Angelo Amato, a promulgar decreto de reconhecimento do martírio de d. Oscar Romero, arcebispo de San Salvador, em El Salvador, assassinado “por ódio à fé”, em 24 de março de 1980. Assim, ele pode ser beatificado ou canonizado (proclamado santo) sem a comprovação de milagre. O processo de canonização estava emperrado quando Francisco foi eleito, em 2013, e reativado por determinação sua.


Publicidade