Publicidade

Estado de Minas

Motorista que bebeu e causou seis mortes sai da prisão


postado em 23/04/2014 18:37

Sorocaba, 23 - O comerciante Fábio Hiroshi Hattori, de 27 anos, que atropelou doze jovens e causou a morte de seis na saída de uma rave, em Sorocaba (SP), foi libertado na tarde desta quarta-feira. Ele dirigia embriagado. Preso após o acidente, no último dia 6, ele cumpria prisão preventiva no presídio de Tremembé, no Vale do Paraíba.

A ordem de soltura foi dada pela juíza Adriana Furukawa, de Sorocaba, depois que o Ministério Público pediu que os crimes fossem desqualificados de homicídio com dolo eventual - quando o autor assume conscientemente o risco de matar -, para homicídio culposo, sem intenção de produzir a morte.

Como esse crime é menos grave perante a lei, o MP entendeu que o acusado tem direito de responder ao processo em liberdade. A família de Fábio pagou fiança de R$ 29 mil e ele teve a carteira de habilitação apreendida. O acidente aconteceu na rodovia Raposo Tavares, onde um grupo de jovens que havia saído da rave esperava o ônibus. Segundo o inquérito, Hattori teria dormido ao volante, perdendo o controle do carro. Exame mostrou que ele tinha consumido bebida alcoólica. Além da morte dos seis jovens, outros seis ficaram feridos no acidente. Três deles continuam internados.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade