Publicidade

Estado de Minas

Turista reclama do trânsito e preços altos na Rio+20


postado em 03/07/2012 16:18 / atualizado em 03/07/2012 16:23

Uma cidade com péssimo trânsito, acesso à internet sofrível, preços altos, e onde um estrangeiro tem dificuldades em se comunicar. Esse é o retrato do Rio de Janeiro traçado pelos participantes de outros países que estiveram na Conferência Rio+20, em junho, segundo pesquisa da Embratur. Apesar dos pontos negativos, a avaliação de 55% é que o Brasil está preparado para receber megaeventos, enquanto 31% acham que o País ainda não está pronto, mas estará.

"Vamos provocar ações das instituições competentes", disse o presidente da Embratur, Flávio Dino, ao comentar o item com pior avaliação entre os estrangeiros: o trânsito, considerado ruim ou péssimo por 81% dos pesquisados. Metade dos entrevistados considerou o acesso à internet regular, ruim ou muito ruim. A cidade é também mal sinalizada, segundo avaliação de 43% das pessoas.

Preços elevados foram apontados como o principal ponto negativo do Brasil por 24% dos estrangeiros ouvidos na pesquisa. Em segundo lugar, veio a dificuldade de comunicação. Em contrapartida, a segurança, que era uma grande preocupação dos organizadores do evento, foi bem avaliada pelos estrangeiros: 72% a consideraram muito boa ou boa.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade