Publicidade

Estado de Minas

Sesc Belenzinho bate recorde de público em SP


postado em 20/02/2011 09:17

O movimento na piscina e as filas do restaurante e do teatro chamam a atenção no novo Sesc Belenzinho, na zona leste paulistana. Desde que foi inaugurada, em 4 de dezembro, a unidade de 50 mil metros quadrados de área já ganhou mais de 410 mil frequentadores - de longe, o maior sucesso de público entre os 31 Sescs do Estado de São Paulo. "Tínhamos um problema sério na zona leste, que era a ausência de uma unidade urbana que pudesse atender sua enorme população. E o sucesso foi absolutamente incomparável", resume o diretor do Sesc, Danilo de Miranda, na sede administrativa que fica no mesmo complexo. Nas duas últimas unidades inauguradas na cidade, em Pinheiros, na zona oeste, e em Santana, região norte, os dois primeiros meses após a abertura tiveram cada um menos da metade de público que recebeu o Belenzinho. Apesar de a nova unidade ser maior que as outras duas, os números são considerados "extraordinários". A área no Belenzinho onde antes funcionou a fábrica da tecelagem Moinho Santista S/A pertence ao Sesc desde 1998. No mesmo ano, foi aberta uma unidade provisória, que funcionou até 2006, quando começou a reforma de R$ 150 milhões. Assinado pelo arquiteto Ricardo Chahin, o projeto buscou aproveitar a estrutura original da antiga tecelagem. Parte do prédio foi mantida e serviu de base para as obras do atual conjunto de cinco andares e um subsolo, campeão em área construída. Houve preocupação de aproveitar a iluminação natural e todos os espaços são acessíveis para deficientes físicos.


Publicidade