Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Publicidade

Estado de Minas MERCADO IMOBILIÁRIO

A força do setor que move o país

A dinâmica do mercado imobiliário e da construção civil mudou. E estamos preparados para nos adaptar e acompanhar essas transformações


postado em 13/10/2019 04:00 / atualizado em 11/10/2019 18:49

(foto: Novolar/Patrimar/Divulgação)
(foto: Novolar/Patrimar/Divulgação)

O mês de setembro deste ano foi de grande representatividade para a construção civil. Entre os dias 18 e 22, construtoras, fornecedores e profissionais do setor se reuniram em Belo Horizonte para debater perspectivas, diretrizes e temas importantes no âmbito do segmento que hoje mais gera empregos no país.

 

Em iniciativa inédita, o Sindicato da Indústria da Construção Civil no Estado de Minas Gerais (Sinduscon-MG) promoveu três eventos: a 18ª edição do “Congresso de Materiais, Tecnologia e Sustentabilidade na Construção”, o “1º Congresso do Mercado Imobiliário” e o “Show da Casa Própria”. Todos os eventos integraram a programação do Minascon 2019, já cristalizado no calendário institucional brasileiro como ponto de encontro de todos os envolvidos na cadeia do segmento.

Realizado coincidentemente em 18 de setembro, o “18º Congresso de Materiais, Tecnologia e Sustentabilidade na Construção”, coordenado pela Assessoria Técnica do Sinduscon-MG, reuniu mais de 180 pessoas no auditório do Sebrae-MG. Com a presença de palestrantes de gabarito, debatemos temas importantes, como a entrega de empreendimento e a gestão do relacionamento com o cliente, uma das grandes preocupações da construção civil.

Destacamos as boas práticas das empresas e, particularmente, a questão da sustentabilidade, com o atendimento às normas de desempenho e novas diretrizes da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável de Minas Gerais (Semad) a respeito do transporte de resíduos.

No dia 19, foi a vez do “1º Congresso do Mercado Imobiliário”. A necessidade de um espaço para mostrar a força do setor e debater as tendências do mercado imobiliário foi imprescindível para criarmos o congresso, que já nasceu exitoso: as vagas se esgotaram cinco dias antes da realização do evento.

 

Grandes nomes do mercado imobiliário nacional passaram por lá. Matheus Sinibaldi, diretor-executivo de Habitação da Caixa, José Carlos Martins, presidente da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), Teodomiro Diniz, vice-presidente da Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg), Ricardo Valadares, CEO da Direcional Engenharia; Rafael Menin, diretor-presidente da MRV, e Afonso Rocha, superintendente do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae Minas) foram uníssonos em destacar, em seus discursos, que a palavra de ordem é união.

A dinâmica do mercado imobiliário e da construção civil mudou. E estamos preparados para nos adaptar e acompanhar essas transformações. Criamos um ambiente em que compartilhamos ideias, estratégias e expectativas, que a estrutura de negócios cada vez mantém saudável e próspero.

A prova disso é que o setor se tornou o principal componente dos investimentos do país e fez o Produto Interno Bruto (PIB) crescer. Depois de 20 trimestres consecutivos de queda (em relação a igual período do ano anterior), a construção cresceu 2% no segundo trimestre deste ano. O incremento de 11,8% nos lançamentos imobiliários no país, nesta mesma base de comparação, pode ter contribuído para esse resultado.

 

A realização do “Show da Casa Própria” concretizou o setor como agente de desenvolvimento do Brasil. A iniciativa do Sinduscon-MG, do Sebrae Minas e do Sistema Fiemg, com o patrocínio da Caixa e do governo federal, dias 21 e 22 de setembro, foi a maior ação de vendas já realizada por entidades representativas do setor da construção e da indústria em prol do mercado imobiliário.

O megafeirão trouxe condições reais e diferenciadas para o consumidor. Movimentamos R$ 76 milhões em possibilidades de negócios. Foram ofertados mais de 3 mil imóveis, localizados na Região Metropolitana de Belo Horizonte, no âmbito das 21 construtoras participantes. E os depoimentos de quem adquiriu sua casa própria no evento, coordenado pela nossa Assessoria Econômica, mostra que a nossa missão primeira é realizar sonhos.

 

Compartilho do mesmo sentimento que Renato Michel, vice-presidente da Área Imobiliária do Sinduscon-MG, destacou no lançamento do “Show da Casa Própria”, que ganhará nova edição em breve. Juntos somos fortes. Agregamos pessoas, empresas e propostas em prol do futuro do país. Que 2019 reforce para toda a sociedade o valor estratégico da construção civil para a sustentação do progresso social e econômico brasileiro.

>>E-mail para esta coluna:  comunica@sinduscon-mg.org.br  

 

 

* Geraldo Jardim Linhares Júnior é 1º vice-presidente do Sindicato da Indústria da Construção Civil no Estado de Minas Gerais (Sinduscon-MG) 

 


Publicidade