(none) || (none)
UAI
Publicidade

Estado de Minas XANGAI

Ex-presidente de Taiwan inicia polêmica visita à China


27/03/2023 09:17

O ex-presidente de Taiwan Ma Ying-jeou chegou nesta segunda-feira (27) a Xangai, no que constitui a primeira viagem de um governante, ou ex-governante, da ilha à China, classificada como "lamentável" pelo atual governo de Taipei.

Esta viagem acontece um dia depois de Honduras cortar suas relações com Taiwan, preferindo estabelecer um vínculo com a China.

A visita de 12 dias do político de 73 anos não inclui encontros oficiais e se concentrará na homenagem aos antepassados e na promoção de intercâmbio entre jovens.

Ma chegou a Xangai na tarde desta segunda-feira e foi recebido no aeroporto por funcionários do governo central de Pequim e autoridades municipais, informou a agência oficial de notícias Xinhua.

China e Taiwan estão separados de fato desde o fim da guerra civil em 1949, quando as forças comunistas de Mao Tse-tung expulsaram do continente os nacionalistas do Kuomintang (KMT), que se refugiaram em Taiwan.

Pequim considera a ilha como parte de seu território e não descarta o uso da força para retomá-la.

A legenda da presidente Tsai Ing-wen, o Partido Democrático Progressista (DPP), acusou Ma de, com sua visita, "apoiar" a política de Pequim em relação a Taiwan. Ma é uma figura importante do KMT, hoje na oposição, e defende um degelo nas relações com a China. Ele nega ser pró-Pequim.

Durante seu governo, entre 2008 e 2016, houve uma melhora acentuada nos laços bilaterais. Uma cúpula com o presidente chinês, Xi Jinping, foi realizada em Singapura, em 2015.

Ma nasceu em Hong Kong em 1950, filho de pais que imigraram da localidade de Xiangtan, na província de Hunan, que está em seu itinerário, junto com Nanjing, Wuhan, Chongqing e Changsha, informou sua assessoria na semana passada.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade

(none) || (none)