UAI
Publicidade

Estado de Minas ESTELI

Acidente na Nicarágua deixa 16 mortos, a maioria venezuelanos


28/07/2022 14:17

Um acidente de estrada ocorrido na noite de quarta-feira em uma rodovia no norte da Nicarágua deixou 16 mortos, incluindo 13 venezuelanos, supostamente migrantes, além de 47 feridos - informou a Polícia Federal nesta quinta-feira (28).

"Dezesseis pessoas morreram, incluindo cinco mulheres e 11 homens. Treze de nacionalidade venezuelana, um nicaraguense e dois ainda não identificados", detalhou a instituição em um comunicado.

O incidente ocorreu na área conhecida como Cucamonga, um cruzamento perigoso localizado no quilômetro 171,5 da Rodovia Pan-Americana, no departamento norte de Estelí.

Os corpos foram levados para o Instituto de Medicina Legal de Manágua, acrescentou a nota.

De acordo com as investigações policiais, o acidente ocorreu quando um ônibus em alta velocidade colidiu com dois carros.

"Como resultado da colisão e do excesso de velocidade, o motorista do ônibus perdeu o controle e caiu do penhasco", descreveu a nota.

O motorista do ônibus, Alfredo Palma, está detido e será encaminhado para as autoridades competentes. O ônibus cobria a rota entre Manágua e Jalapa, município próximo à fronteira norte da Nicarágua com Honduras.

Segundo a Polícia, a maioria das mortes foi causada por "traumatismo craniano grave e politraumatismo".

As estradas da Nicarágua fazem parte da rota centro-americana de migrantes de diferentes latitudes, principalmente latino-americanos, rumo aos Estados Unidos, em busca de melhores condições de vida.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade