UAI
Publicidade

Estado de Minas GENEBRA

Ataque aéreo mata três refugiados na região etíope de Tigré, diz ONU


06/01/2022 18:06

Três refugiados eritreus, entre eles duas crianças, morreram durante um ataque aéreo na região de Tigré, situada no norte da Etiópia e palco de um conflito interno com o governo central, informou nesta quinta-feira (6) o Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (Acnur).

"Me entristece profundamente saber que três refugiados eritreus, entre eles duas crianças, morreram ontem [quarta-feira] em um ataque aéreo contra o acampamento de refugiados de Mai Aini, no norte da Etiópia", declarou o responsável do Acnur, Filippo Grandi, em comunicado.

A guerra na região de Tigré começou em novembro de 2020, depois que o primeiro-ministro e ganhador do Nobel da Paz, Abiy Ahmed, enviou o Exército federal à região para derrubar os líderes da Frente Popular de Libertação do Tigré (TPLF, na sigla em inglês).

Ahmed acusa a TPLF de atacar a bases militares e desafiar sua autoridade.

O conflito interno já deixou milhares de mortos, provocou o deslocamento forçado de milhões de pessoas e colocou outras nove milhões em risco de insegurança alimentar, segundo a ONU.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade