UAI
Publicidade

Estado de Minas LIMA

Peru prorroga estado de emergência nacional por pandemia


22/12/2021 22:02

O governo do Peru prorrogou nesta quarta-feira (22) até 31 de janeiro o estado de emergência vigente há 21 meses devido à pandemia de covid-19, que permite ao país restringir alguns direitos dos cidadãos.

"Decidimos estender o estado de emergência nacional por 31 dias, a partir de sábado, 1º de janeiro", disse o ministro da Saúde, Hernando Cevallos, em entrevista coletiva após um conselho de ministros no palácio do governo.

Durante a emergência nacional, está restrito o exercício dos direitos constitucionais relativos à liberdade e segurança pessoais, à inviolabilidade do domicílio e à liberdade de reunião e movimento no território.

O estado de emergência nacional, em vigor em paralelo à emergência sanitária devido à pandemia, autoriza os militares a patrulhar as ruas junto com a polícia durante o toque de recolher noturno.

Cevallos explicou que o toque de recolher será mantido. Nas regiões mais afetadas pela pandemia, durante quatro horas a partir da meia-noite, e na capital, das 2h às 4h.

O governo também prorrogou até 16 de janeiro a suspensão dos voos da África do Sul e Botswana.

Um novo surto de covid-19 levou o governo a proibir reuniões familiares e festas no Natal e no Ano Novo, e a antecipar o toque de recolher, que valerá das 23h às 4h nesses dias.

Além disso, reforçou sua campanha de vacinação, que alcança 75% da população-alvo.

O país andino, de 33 milhões de habitantes, tem a maior taxa de mortalidade da pandemia no mundo: 6.122 por milhão de habitantes, segundo balanço da AFP baseado em números oficiais.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade