UAI
Publicidade

Estado de Minas TUXTLA GUTIÉRREZ

Corpos de 6 migrantes mortos em acidente no México são repatriados


20/12/2021 20:46

Os restos mortais de dois migrantes da Guatemala e quatro da República Dominicana que morreram em um acidente rodoviário em 9 de dezembro no México foram entregues às suas famílias nesta segunda-feira (20) para sua repatriação, informaram as autoridades locais.

A promotoria do estado de Chiapas, no sul do México, onde ocorreu a tragédia, informou que até o momento houve 10 corpos repatriados após o acidente que deixou 56 mortos.

"Eles o levaram, nunca mais vou vê-lo", gritou Ângela Ortiz do lado de fora do serviço forense, que viajou dos Estados Unidos, onde mora, para reivindicar os restos mortais do sobrinho de 23 anos.

A promotoria especificou que 17 corpos permanecem nos serviços forenses das cidades de Tuxtla Gutiérrez, Tonalá e Pijijiapan.

Os primeiros quatro corpos de migrantes mortos no acidente foram repatriados no domingo para uma base militar na capital da Guatemala.

A tragédia de 9 de dezembro ocorreu depois que um trailer que transportava clandestinamente cerca de 160 migrantes irregulares colidiu com uma ponte de pedestres em uma rodovia em Chiapas.

Este estado, na fronteira com a Guatemala, é o principal ponto de acesso para migrantes sem documentos, que são transportados em condições desumanas nesses caminhões para o norte do país por traficantes de seres humanos.

A tragédia aconteceu depois da reativação de um polêmico programa dos Estados Unidos que obriga os migrantes a esperar no México por uma resposta aos seus pedidos de asilo.

Mais de 190.000 pessoas sem documentos foram detectadas no México entre janeiro e setembro, o triplo do número de 2020. Cerca de 74.300 foram deportados.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade