UAI
Publicidade

Estado de Minas LONDRES

Reino Unido pede à Rússia para 'desescalar' tensões com Ucrânia


13/12/2021 13:43

O primeiro-ministro britânico Boris Johnson pediu nesta segunda-feira (13) ao presidente russo Vladimir Putin para "desescalar as tensões" na Ucrânia, alertando que uma intervenção militar seria um "erro estratégico" com graves "consequências".

Em um telefonema, Johnson "expressou a profunda preocupação do Reino Unido com a acumulação de forças russas na fronteira da Ucrânia e reiterou a importância de trabalhar por meio de canais diplomáticos para desescalar as tensões", informou Downing Street em um comunicado.

"O primeiro-ministro destacou o compromisso do Reino Unido com a integridade e a soberania da Ucrânia e alertou que qualquer ação para desestabilizá-la seria um erro estratégico com grandes consequências", acrescentou.

Os contatos entre líderes britânicos e russos foram escassos nos últimos anos devido às fortes tensões, acentuadas em 2018 pelo envenenamento do ex-espião russo Serguéi Skripal com a substância neurotóxica Novichok em solo britânico.

Estados Unidos, União Europeia e Ucrânia acusam há semanas Moscou de se preparar para invadir eventualmente a Ucrânia, o que o Kremlin nega.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade