UAI
Publicidade

Estado de Minas NAÇÕES UNIDAS

ONU suspende distribuição de alimentos na Etiópia após 'saques' atribuídos a rebeldes


08/12/2021 21:26

O Programa Mundial de Alimentos (PMA), das Nações Unidas, suspendeu a distribuição de alimentos na cidade de Kombolcha, no norte da Etiópia, após os "saques maciços" atribuídos a rebeldes da região do Tigré, anunciou nesta quarta-feira (8) um porta-voz da ONU.

Ocorreram "saques maciços de armazéns em Kombolcha nos últimos dias, aparentemente por integrantes dos rebeldes do Tigré e alguns membros da população local" em Kombolcha, cidade da província de Amhara, informou Stéphane Dujarric, durante coletiva de imprensa diária.

Os ataques provocaram a suspensão da distribuição de alimentos nas localidades de Dessie e Kombolcha, ao norte do país africano, acrescentou Dujarric, destacando que estes roubos poderiam aumentar a insegurança alimentar no norte da Etiópia, enquanto o volume do que foi roubado continua sem ser determinado.

"Grandes quantidades de alimentos, incluindo produtos para crianças desnutridas, foram roubadas e saqueadas", acrescentou o porta-voz.

Isto ocorre em meio a uma guerra que eclodiu em novembro de 2020 no norte da Etiópia e que ainda persiste, depois que o primeiro-ministro, Abiy Ahmed, enviou o exército para a região setentrional do Tigré para destituir as autoridades locais da Frente de Libertação do Povo do Tigré (TPLF), que desafiavam sua autoridade e que Ahmed acusava de atacar bases militares.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade