UAI
Publicidade

Estado de Minas NOVA YORK

Novos confinamentos na Europa derrubam cotações do petróleo


19/11/2021 19:05

Os preços do petróleo caíram nesta sexta-feira (19) ao seu nível mais baixo em um mês e meio, pressionados por novas restrições sanitárias na Europa contra o coronavírus, que ameaçam a demanda da commodity.

O preço do barril de Brent do Mar do Norte para entrega em janeiro recuou 2,89% a 78,89 dólares.

Em Nova York, enquanto isso, o barril de WTI para entrega em dezembro caiu 3,68% a 76,10 dólares.

Na semana, o Brent caiu 4,26% e o WTI, 5,81%.

"Uma combinação de fatores explica a pressão sobre os preços: o aumento dos casos de covid e os confinamentos potenciais, os boatos e murmúrios sobre um eventual uso coordenado de parte das reservas estratégicas de cru e o dólar mais forte", resumiu à AFP Matt Smith, encarregado de análise petroleira para o fornecedor de dados de matérias-primas Kpler.

A Áustria anunciou um confinamento geral da população com a obrigação de se vacinar e medidas restritivas surgem na Alemanha.

"Isso faz cair os preços e é bem-vindo para a administração (de Joe) Biden porque deveria repercutir no valor da gasolina", destacou o analista, para quem a queda "é o reflexo de um sentimento de inquietação sem nada concreto".

"Talvez não sejam necessárias as reservas" estratégicas se o rumor for suficiente para moderar os preços como quer o governo Biden, concluiu.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade