UAI
Publicidade

Estado de Minas LA PAZ

Bolívia aplica reforço anticovid em idosos e pessoas com comorbidades


13/10/2021 16:06

Os centros de saúde na Bolívia começaram a usar nesta quarta-feira (13) a vacina britânica Astrazeneca como terceira dose para pessoas com mais de 60 anos de idade e com comorbidades, informaram as autoridades de saúde.

A vice-ministra dos Seguros de Saúde, Alejandra Hidalgo, destacou que "está tudo arranjado para poder vacinar pacientes com doenças pré-existentes desde os 18 anos com a terceira dose, e também a todos os adultos com mais de 60 anos".

Nas cidades de El Alto, vizinhas a La Paz, e Cochabamba, centro, dezenas de idosos foram aos postos de saúde pública para receber uma terceira dose de reforço. O Ministério da Saúde antecipou que esta campanha será adotada em todo o país.

O governo determinou usar cerca de "800 mil vacinas Astrazeneca" para pessoas que receberam suas primeiras doses da russa Sputnik V, da chinesa Sinopharm ou da americana Pfizer, em um período superior a dois meses.

Pessoas com doenças de risco são aquelas que sofrem de hipertensão, obesidade, diabetes ou problemas respiratórios.

A Bolívia registrou mais de 504.600 infecções e mais de 18.800 mortes até o momento, em uma população de 11,5 milhões de habitantes.

Enquanto 3,4 milhões de pessoas receberam a primeira dose da vacina e 2,6 milhões a segunda, segundo dados oficiais do Ministério da Saúde.

A população-alvo da vacinação é de 7,1 milhões, a ser atingida até o final do ano.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade