UAI
Publicidade

Estado de Minas WASHINGTON

Índice de desemprego nos EUA cai a 4,8% em setembro


08/10/2021 11:04

Os Estados Unidos criaram 194 mil empregos em setembro, o que fez o índice de desemprego cair até 4,8%, segundo dados publicados pelo governo nesta sexta-feira (8).

Foram criados menos empregos que o esperado, mas a taxa de desemprego diminuiu mais do que o previsto pelos analistas. O Departamento do Trabalho apontou que o emprego aumentou em lazer e hotelaria, setores muito afetados pela covid-19, mas diminuiu na educação pública.

A criação de empregos diminuiu em relação aos 366 mil gerados em agosto (depois de uma revisão para cima), o que pode ser um sinal de que a variante delta da covid-19 gerou dúvidas nas empresas e freou o emprego.

A economia americana criou 17,4 milhões empregos desde abril de 2020, quando o mercado de trabalho foi abalado pela chegada da covid-19, mesmo que, segundo dados oficiais, ainda faltem cinco milhões de empregos para chegar aos que tinha antes da pandemia.

O lazer e a hotelaria acrescentaram 74 mil empregos em setembro, enquanto os estabelecimentos de comida e bebida - uma das indústrias mais vulneráveis aos surtos de covid-19 - se mantiveram praticamente iguais pelo segundo mês consecutivo, depois de criarem mensalmente uma média de 197.000 empregos entre janeiro e julho.

A educação da administração local perdeu 144 mil empregos e a estadual outros 17.000.

As autoridades alertam no relatório que "as recentes mudanças no emprego são difíceis de interpretar, já que as oscilações de pessoal relacionadas à pandemia na educação pública e privada distorceram os padrões normais de contratação e demissão sazonais".

A taxa de população ativa, que indica a proporção dos cidadãos empregada ou que busca ativamente trabalho, ficou em 61,6% no mês passado, dentro da faixa em que se moveu desde junho do ano passado.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade