UAI
Publicidade

Estado de Minas LONDRES

Morreu o diretor de 'Um lugar chamado Notting Hill', Roger Michell


23/09/2021 17:18

O cineasta Roger Michell, que dirigiu a comédia romântica "Um lugar chamado Notting Hill", morreu na quarta-feira aos 65 anos, anunciou sua família nesta quinta-feira (23).

"A família de Roger Michell, diretor, autor e pai de Harry, Rosie, Maggie e Sparrow, anuncia com grande pesar sua morte aos 65 anos em 22 de setembro", segundo um comunicado de seu agente. As causas da morte são desconhecidas.

Filho de um diplomata, Roger Michell nasceu em 5 de junho de 1956 na África do Sul e viveu sua infância em Beirute, Damasco e Praga antes de se estabelecer no Reino Unido.

Começou a carreira no teatro e na televisão, onde dirigiu séries e filmes. Estreou no cinema em 1996, levando para as telas a peça "Minha noite com Reg".

Em 1999 teve sucesso mundial com "Um lugar chamado Notting Hill", estrelado por Julia Roberts e Hugh Grant.

Transformado em um clássico, o filme escrito por Richard Curtis conta a história de amor entre uma estrela de Hollywood e o dono de uma livraria em Londres.

Em 2002 produziu "Fora de Controle", com Ben Affleck e Samuel L. Jackson, e, em 2017, "Minha prima Raquel", com Sam Claflin e Rachel Weisz.

No início de setembro, promoveu "El Duque", que estreia no final do ano e conta a história do roubo de um quadro de Goya por um motorista de táxi em Londres nos anos 1960.

Ele foi casado com a atriz Kate Buffery, com quem teve dois filhos, e também com a atriz Anna Maxwell Martin, com quem teve outros dois filhos antes de se separar.

DUKE ENERGY


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade