Publicidade

Estado de Minas WASHINGTON

Assessor de segurança nacional dos EUA viaja ao Brasil


02/08/2021 21:19

O assessor de Segurança Nacional dos Estados Unidos, Jake Sullivan, viajará ao Brasil e à Argentina esta semana para fortalecer "laços estratégicos" com os dois países-chave do continente, informou a Casa Branca nesta segunda-feira (2).

"Em sua primeira viagem à região, o Sr. Sullivan se reunirá com importantes aliados não pertencentes à Otan nas Américas", revelou Emily Horne, porta-voz do Conselho de Segurança Nacional (NSC) da administração de Joe Biden, em um comunicado.

Além de Sullivan, a delegação será integrada por altos funcionários do NSC: o diretor para Assuntos do Hemisfério Ocidental, Juan González; o Diretor de Tecnologia e Segurança Nacional, Tarun Chhabra; e o diretor de segurança cibernética, Amit Mital.

Eles estarão acompanhados por Ricardo Zúñiga, alto funcionário do Departamento de Estado e atual emissário para o Triângulo Norte da América Central, formado por Guatemala, Honduras e El Salvador.

No Brasil, haverá encontros "para discutir oportunidades de fortalecer a parceria estratégica" entre os dois países, bem como para "melhorar a estabilidade regional, avançar nas metas climáticas, colaborar na infraestrutura digital e ajudar a traçar um caminho de recuperação da pandemia covid-19", informou Horne.

"Na Argentina, serão discutidos os crescentes laços estratégicos nas prioridades bilaterais e regionais", acrescentou, destacando a recuperação após a pandemia, as questões ambientais e o crescimento econômico e de segurança.

A Argentina recebeu o status de importante aliado não-Otan dos Estados Unidos em 1998, sob o governo de Bill Clinton, enquanto o Brasil o obteve em 2019, sob a administração de Donald Trump.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade