Publicidade

Estado de Minas LIMA

Principais frases do primeiro discurso do novo presidente do Peru


28/07/2021 18:26

O novo presidente do Peru, Pedro Castillo, anunciou nesta quarta-feira (28) em seu primeiro discurso que enviará ao Congresso um projeto de reforma da Constituição.

Seguem algumas frases importantes de sua mensagem:

- Reforma da Constituição -

"Anuncio que apresentaremos ao Congresso um projeto de lei para reformá-la que, após ser debatido no Parlamento, esperamos que seja aprovado e depois submetido a um referendo popular."

"Vamos insistir nessa proposta, mas dentro do marco legal que a Constituição prevê. Teremos que conciliar posições com o Congresso".

- Economia -

"Nos últimos 30 anos muito se discutiu sobre as deficiências do modelo econômico implantado nos anos 90. Apesar disso, nenhum governo deu ouvidos ao desconforto da maioria e por isso eles se recusaram a fazer as mudanças desejadas pela população. Mas a pandemia acabou por deixar visível que as críticas [...] ao modelo econômico não eram apenas legítimas, mas também válidas".

"Infelizmente durante a campanha eleitoral tentaram assustar a população com a história de que queríamos desapropriar poupanças, casas, carros, fábricas e outros bens de propriedade dos cidadãos, o que é totalmente falso".

"Não faremos nada disso, porque queremos que a economia mantenha a ordem e a previsibilidade, que estão na base das decisões de investimento. A propriedade das pessoas, obtida com esforço e no quadro da legalidade, é garantida pelo Estado".

- Pandemia -

"Nossa primeira tarefa é continuar lutando contra a pandemia de covid-19. Ela não acabou. Vamos seguir em frente. Temos que governar em um momento de gravidade em nosso país, mas tenho certeza que vamos alcançar a vacinação [da população ]. A saúde será uma prioridade".

- Ajuda aos mais pobres -

"As organizações de panelas coletivas serão integradas às políticas nacionais."

"(Haverá) transferência direta e imediata de apoio financeiro de 700 soles (175 dólares) para cada família vulnerável, já que a pandemia gerou muitos custos em educação e saúde para as famílias".

- Educação -

"No meu governo será uma prioridade: declaramos a educação em estado de emergência".

"Vamos criar o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação Tecnológica".

"Em nosso governo a internet será um direito, não um serviço".

"Os jovens que não estudam nem trabalham terão que ir para o serviço militar."

- Palácio do Governo -

"Não vou governar da Casa de Pizarro, porque acredito que temos que romper com os símbolos coloniais. Vamos ceder este Palácio ao novo Ministério da Cultura para que possa ser usado como um museu de nossa história".

- Corrupção -

"Vamos revisar toda a legislação sobre corrupção".

O caso das contribuições ilegais da Odebrecht, que afetou quatro ex-presidentes e Keiko Fujimori "é um fardo que nos perseguirá por muito tempo. Temos que acabar com a corrupção, mas para isso temos que punir com dureza e rapidez todos aqueles que dela participam ", incluindo empresários.

- Criminosos estrangeiros -

"Os criminosos estrangeiros terão 72 horas para sair do país".

Twitter

IPSOS


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade