Publicidade

Estado de Minas SANTIAGO

Partidários e detratores do regime cubano se enfrentam no Chile


16/07/2021 17:23

Apoiadores e detratores do regime cubano se enfrentaram com golpes e pedras em um protesto registrado nesta sexta-feira (16) em frente ao Consulado de Cuba em Santiago do Chile, devido às manifestações inéditas na ilha.

Centenas de pessoas se reuniram em frente ao prédio da embaixada, algumas com bandeiras do Partido Comunista Chileno e faixas de apoio ao regime cubano; outros, a maioria cubanos que vivem no Chile, gritando contra o presidente Miguel Díaz-Canel pela repressão durante as manifestações na ilha no último fim de semana na ilha.

"Há repressão em meu país, eles estão mandando os jovens saírem para lutar, há famílias com pessoas desaparecidas", afirmou o jornalista cubano Pablo Alfonso, à CNN Chile.

O ânimo entre os dois grupos esquentou em meio a gritos, ameaças e insultos até que começaram a se bater, cuspir e atirar pedras uns aos outros, enquanto uma bomba de gás lacrimogêneo foi lançada no meio do batalhão, confirmou um jornalista da AFP.

Agentes das Forças Especiais da Polícia Chilena separaram os dois lados, mas entraram em confronto novamente em pelo menos mais duas ocasiões.

Outros protestos de cubanos no Chile contra o regime de Díaz-Canel foram registrados nos últimos dias no mesmo local, mas também contra o embargo comercial imposto pelos Estados Unidos a Cuba.

A representação diplomática de Havana em Santiago não comentou esses protestos.

Dias atrás, o governo chileno exortou as autoridades cubanas em um comunicado a permitir as manifestações "de forma livre e sem intimidação".


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade