Publicidade

Estado de Minas SYDNEY

Foco de covid-19 se espalha em Sydney, apesar do confinamento


12/07/2021 06:18

O surto epidêmico de covid-19 continua se espalhando em Sydney, apesar do confinamento imposto na cidade - anunciaram as autoridades australianas, que registraram um novo aumento no número de contágios.

No total, foram registrados 112 novos casos nas últimas 24 horas na cidade, um recorde desde o início dessa onda, apesar da terceira semana de confinamento.

Além disso, o vírus se propagou por vários bairros desta cidade de cinco milhões de habitantes.

A primeira-ministra do estado de Nova Gales do Sul, que tem Sydney como capital, explicou que muitos dos novos casos eram de familiares, ou de amigos, de pessoas infectadas que haviam se reunido, em descumprimento às instruções que desaconselham o contato fora de casa.

Os moradores de Sydney podem sair de casa apenas para comprar mantimentos, ir ao médico, ou praticar esportes ao ar livre.

"Se você se arrisca, está colocando toda sua família em risco", alertou a primeira-ministra Gladys Berejiklian.

No sábado, uma nonagenária morreu poucas horas depois de ser diagnosticada positivo para o novo coronavírus. É a primeira morte por transmissão local do coronavírus na Austrália até agora neste ano.

O confinamento deve terminar na sexta-feira, mas as autoridades anunciaram que é provável que seja prolongado. Hoje, Sydney está praticamente isolada do restante do país.

Nova Gales do Sul registrou 678 infecções desde o início desta onda epidêmica em meados de junho.

Este é um número muito mais baixo do que tem sido registrado nas principais cidades do mundo, mas é um desafio na Austrália, que estabeleceu como meta ter zero caso de transmissão local.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade