Publicidade

Estado de Minas DUBAI

Embaixador de Israel nos Emirados teme uma nova 'Noite dos Cristais'


26/05/2021 21:12

O embaixador de Israel nos Emirados Árabes Unidos alertou nesta quarta-feira (26) para o retorno das horas sombrias da "Noite dos Cristais" de 1938 na Europa, com o ressurgimento do antissemitismo no mundo após os sangrentos bombardeios israelenses contra a Faixa de Gaza.

"Depois de Gaza, onde estamos? Estamos em um momento que lembra a Noite dos Cristais, quando sinagogas são atacadas, judeus são novamente atacados violentamente nas ruas da Europa", denunciou Eitan Naeh, durante a inauguração em Dubai de uma exposição sobre o Holocausto, apresentado como o primeiro em um país do Oriente Médio.

A "Noite dos Cristais" refere-se à noite de 9 a 10 de novembro de 1938, quando houve linchamentos em massa contra a população judaica da Alemanha com a conivência das autoridades, no que é considerado um dos maiores 'pogroms' da história.

A expressão se refere aos vidros quebrados lançados nas ruas a partir de lojas judaicas destruídas.

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, denunciou os ataques "hediondos" contra a comunidade judaica na segunda-feira.

Um judeu de 29 anos foi atacado na Times Square, à margem dos distúrbios pró-Israel e pró-Palestina em Nova York.

Na Alemanha, bandeiras israelenses foram queimadas em frente a duas sinagogas em meados de maio.

Os sangrentos bombardeios de Israel em Gaza e a repressão aos manifestantes em Jerusalém Oriental colocaram novos parceiros árabes, incluindo os Emirados Árabes Unidos, em uma situação difícil.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade