Publicidade

Estado de Minas NOVA YORK

Em Wall Street, Nasdaq fecha em queda de cerca de 2%


04/05/2021 19:37

Wall Street fechou em baixa nesta terça-feira (4) pela recuo dos valores tecnológicos, sensíveis a uma eventual alta das taxas de juros, devido ao reaquecimento da economia.

O índice tecnológico Nasdaq perdeu, assim, 1,88%, a 13.633,50 pontos, em sua pior sessão dia desde o fim de março.

O S&P; 500, mais representativo da tendência geral, perdeu 0,67%, a 4.164,66 pontos, enquanto o índice principal Dow Jones fechou quase estável (+0,06%), a 34.133,03 unidades.

O mercado assimilou nesta terça declarações da secretária do Tesouro, Janet Yellen, sobre o futuro das taxas de juros.

Yellen evocou durante um evento virtual a possibilidade de que "seja preciso aumentar alguma coisa nas taxas de juros" para assegurar que a economia "não se sobreaqueça, mesmo se os gastos adicionais" dos planos de investimento "forem relativamente fracos com relação ao tamanho da economia".

O presidente Joe Biden apresentou dois planos, um "projeto para as famílias" de 1,8 trilhão de dólares em dez anos e um plano de investimento em infraestrutura de 2 trilhões de dólares em oito anos.

Yellen não deu detalhes sobre sua estimativa de aumento durante um evento virtual organizado pela The Atlantic.

O Federal Reserve (Fed, banco central americano) mantém suas taxas entre 0% e 0,25% ao ano para estimular o consumo e o investimento. Seu presidente, Jerome Powell, disse e reiterou que não se vislumbra um aumento das taxas de juros no curto prazo.

Os grandes valores de tecnologia - fortemente associados ao investimento, que pode ser encarecida por uma alta das taxas de juros - caíram nesta terça: a Apple perdeu 3,54%, a Amazon, 1,70%, o Facebook, 1,31%, a Alphabet, 1,71%, e a Microsoft, 1,62%.

FACEBOOK

PFIZER

CVS HEALTH

WELLS FARGO & COMPANY

BioNTech

GENERAL MOTORS

AMAZON.COM

APPLE INC.

MICROSOFT

Uber


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade