Publicidade

Estado de Minas ADIS ABEBA

Conflito na Etiópia separou milhares de crianças de seus pais, alerta ONG


04/05/2021 12:13

O conflito em Tigré, no norte da Etiópia, separou milhares de crianças de seus pais e muitas enfrentam condições graves e perigosas em campos para pessoas deslocadas, alertou nesta terça-feira (4) a organização Save the Children.

"Muitas dessas crianças foram separadas de seus pais enquanto fugiam do conflito. Outras perderam seus pais devido à violência", disse a ONG em um comunicado seis meses após o início dos combates.

Algumas crianças não estão abrigadas em condições seguras, mas em "pequenos quartos onde dormem mais de 50 pessoas", acrescentou.

A Organização Internacional para as Migrações (OIM) da ONU informou em abril que mais de um milhão de pessoas foram deslocadas em Tigré, incluindo 4.056 "separados" e 917 crianças desacompanhadas.

Esses dados correspondem a março, então os números atuais podem ser maiores.

O primeiro-ministro etíope, Abiy Mahmed, enviou tropas a Tigré em novembro para deter e desarmar os líderes da Frente Popular para a Libertação do Tigré (TPLF), o partido que governa a região eque dominou a política nacional no passado.

Abiy declarou vitória depois que as forças federais tomaram a capital regional Mekele, mas os membros da TPLF continuam em fuga e confrontos são travados periodicamente.

A comunidade internacional pressionou o governo de Abiy a buscar uma solução política para o conflito, mas as autoridades etíopes insistem que os combates são mínimos e que a região está voltando à normalidade.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade