Publicidade

Estado de Minas LONDRES

Número de celular de Boris Johnson está na disponível na web há 15 anos


30/04/2021 06:50

O número do celular pessoal do primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, está disponível na Internet há 15 anos - informou a imprensa britânica nesta sexta-feira (30), levantando preocupações sobre a segurança nacional do Reino Unido.

O número de telefone, que aparece na parte inferior de um comunicado de imprensa de 2006, quando Johnson era um deputado da oposição, parece ser o que o líder conservador usa atualmente, segundo a BBC.

Procurado pela AFP nesta sexta-feira, o número transmitiu uma mensagem automática, informando que o telefone estava desconectado.

Esta nova revelação surge depois de Johnson ter sido criticado, recentemente, sobre sua integridade, em particular por se comunicar por meio de mensagens de texto com o industrial britânico James Dyson.

Nessas mensagens, que remontam ao início da pandemia em março de 2020, o primeiro-ministro prometeu acertos fiscais a Dyson em troca da fabricação de respiradores para os hospitais do país.

Este caso expôs os laços estreitos entre o governo conservador e os interesses privados e sua disposição de responder diretamente às comunicações dos empresários.

Que o número pessoal de Johnson seja de domínio público "é importante", porque "é um bem muito valioso", comentou Peter Ricketts, ex-conselheiro de segurança nacional do Reino Unido, em entrevista à BBC.

Ele insistiu na importância de se controlar a publicação on-line de informação sensível para a segurança.

"Penso, em particular, em políticos de alto escalão em ocupam postos delicadas, cujas conversas telefônicas podem conter material sensível, informação comercial delicada, pessoas que tentam pressioná-los para obter favores, ou isenções fiscais, ou conversas com líderes estrangeiros", disse ele.

Entre outros escândalos que abalaram o governo britânico, a comissão eleitoral, que regula as contas dos partidos políticos, anunciou na quarta-feira uma investigação sobre o financiamento das reformas do apartamento oficial de Johnson em Downing Street.

Segundo a imprensa, o custo das obras foi de 200.000 libras (US$ 277.000), muito mais do que as 30.000 libras cobertas por recursos públicos.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade