Publicidade

Estado de Minas ESTOCOLMO

Tesouro de mais de 2.500 anos é encontrado na Suécia


29/04/2021 14:49

Um tesouro da Idade do Bronze com cerca de cinquenta joias e relíquias de ao menos 2.500 anos de antiguidade foi descoberto na Suécia por um caminhante, anunciaram as autoridades nesta quinta-feira (29).

O tesouro, considerado "espetacular" e em "fantástico" estado de conservação, foi descoberto por casualidade no início de abril em uma floresta próxima à cidade de Alingsås, no sudoeste da Suécia, explicaram as autoridades locais.

As joias se encontravam ao ar livre, em frente a algumas rochas. Provavelmente foram desenterradas por animais.

"Parecia lixo de metal. No início, achei que era uma lâmpada", contou Tomas Karlsson, o homem que descobriu as relíquias.

Este fã das corridas de orientação estava atualizando um mapa quando, ao se agachar, encontrou um colar e acessórios, contou ele ao jornal Dagens Nyheter.

"Tudo parecia tão novo que pensei que era falso", explicou. Depois de informar sua descoberta, uma equipe de arqueólogos foi para a região examinar as peças.

Segundo Johan Ling, professor de Arqueologia da Universidade de Gotemburgo, "a maioria dos objetos encontrados são de bronze e estão associados a uma mulher de alto escalão da Idade de Bronze".

Os objetos, entre os quais estão colares, correntes e broches muito bem conservados, datam de entre o ano 750 a.C e 500 a.C.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade