Publicidade

Estado de Minas KINSHASA

RDC adia campanha de vacinação anticovid com doses da AstraZeneca


13/03/2021 10:13

O ministro da Saúde da República Democrática do Congo anunciou neste sábado (13) o adiamento da campanha de vacinação contra a covid-19, que deveria começar em 15 de março no país após a entrega de 1,7 milhão de doses da AstraZeneca.

"Como medida de precaução, foi decidido adiar a data de lançamento da vacinação na RDC", disse o ministro Eteni Longondo em um comunicado.

O ministro lembrou que "alguns países suspenderam temporariamente o uso de um lote específico da vacina da AstraZeneca com base em relatos sobre transtornos da coagulação do sangue em pessoas que receberam a vacina desse lote em particular".

Dinamarca, Islândia e Noruega anunciaram na quinta-feira que suspenderam as injeções da vacina da AstraZeneca, alegando o princípio da "precaução". A Bulgária fez o mesmo na sexta-feira e a Tailândia atrasou sua campanha.

"Atualmente está sendo realizada uma investigação por parte de especialistas", disse o ministro da Saúde da RDC.

A nova data da campanha de vacinação no país "será anunciada em breve, assim que soubermos os resultados das pesquisas já em andamento em nível nacional e internacional".


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade