Publicidade

Estado de Minas FRANKFURT AM MAIN

Alemães se apressam para comprar testes antigênicos nos supermercados


06/03/2021 12:17

Os alemães correram neste sábado (6) aos supermercados Aldi para comprar os primeiros testes antigênicos contra o novo coronavírus disponíveis nos supermercados, que se esgotaram em poucas horas.

A rede de supermercados rival, Lidl, por sua vez, viu seu tráfego virtual ficar paralisado por tanta procura após colocar a venda kits de testes caseiros.

"Queremos assegurar a todos os que ficaram com as mãos vazias que teremos novos testes nos próximos dias", disse um porta-voz do Aldi ao jornal Bild.

O governo alemão conta com a prática massiva de testes antigênicos para levar adiante sua estratégia de desbloquear gradualmente o dispositivo anti-vacinas diante da crescente insatisfação da população, enquanto o ritmo de vacinações segue sendo lento.

A partir de segunda-feira, todos os alemães terão direito a um teste antigênico gratuito por semana, realizado por profissionais em farmácias ou centros autorizados.

Vários fabricantes de kits de teste domésticos também tiveram sinal verde. O objetivo é dar mais liberdade aos cidadãos após meses de restrições, mas os especialistas enfatizam que os testes rápidos são menos confiáveis do que o PCR e que as medidas de restrição devem ser mantidas mesmo se o teste for negativo.

Os testes também estarão disponíveis nas principais farmácias e outros estabelecimentos do país nos próximos dias.

A chanceler Angela Merkel tinha chegado a um acordo na quarta-feira à noite para a flexibilização gradual das medidas contra a covid-19.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade