Publicidade

Estado de Minas MOSCOU

Rússia está disposta a retornar ao Tratado Céus Abertos se EUA fizer o mesmo


16/02/2021 11:45

A Rússia disse nesta terça-feira (16) que está disposta a retornar ao Tratado Céus Abertos de controle militar se os Estados Unidos fizerem o mesmo, mas ressaltou que não vai "esperar para sempre" por uma decisão americana.

"Deixamos a porta aberta. Mas nossos colegas em Washington e outras capitais da Otan devem entender que não vamos esperar para sempre", declarou o vice-ministro das Relações Exteriores, Serguei Riabkov, à agência de notícias Ria Novosti.

Segundo ele, o procedimento para a retirada de Moscou do tratado está em andamento e será concluído "se até lá os Estados Unidos não nos informarem de sua disposição de voltar às disposições do acordo".

Ele não especificou o tempo que a Rússia levará para finalizar sua retirada deste texto internacional que permite controlar os movimentos militares e instalações estratégicas dos países signatários.

Moscou retirou-se do Tratado Céus Abertos no ano passado emulando uma decisão semelhante dos Estados Unidos por ordem de Donald Trump, que se retirou de outros acordos internacionais importantes.

Nas últimas semanas, o governo Joe Biden começou a fazer esforços para reverter vários desses acordos.

Em janeiro, Washington estendeu o tratado de controle de armas nucleares New Start com Moscou in extremis.

O Tratado Céus Abertos entrou em vigor em 2002, inicialmente com 35 países aderentes. O texto confere aos signatários o direito de realizar voos de observação sobre o território das outras partes em troca da obrigação de aceitar voos semelhantes sobre seu próprio território, a fim de permitir o controle de atividades militares.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade