Publicidade

Estado de Minas PARIS

ArcelorMittal limita perdas em 2020 e nomeia novo CEO


11/02/2021 08:48

A maior companhia siderúrgica do mundo, ArcelorMittal, registrou em 2020 prejuízo abaixo do esperado e anunciou nesta quinta-feira (11) a nomeação de Aditya Mittal, filho do fundador do grupo, como o novo CEO.

O presidente e fundador do grupo, Lakshmi Mittal, se tornará presidente executivo e continuará a liderar o conselho de administração, uma tarefa que executará ao lado do novo CEO, informou ArcelorMittal em comunicado.

Em 2020, a empresa registrou prejuízo líquido de US$ 733 milhões, uma melhora em relação a 2019, quando registrou prejuízo de mais de US$ 2 bilhões.

As vendas caíram quase 25%, para US$ 53,3 bilhões.

No quarto trimestre, o grupo obteve um lucro líquido de 1,2 bilhão de dólares, contra um prejuízo de 261 milhões no trimestre anterior, graças à melhora das condições de mercado e à tendência de alta dos preços.

Em sua perspectiva para 2021, ArcelorMittal espera que o consumo global de aço cresça de 4,5 a 5,5%, contra uma queda de 1% em 2020.

O grupo considera que "após um longo período de venda de reservas, a siderurgia mundial já se beneficia de uma demanda favorável".

"Apesar dos desafios óbvios de 2020, ArcelorMittal entra em 2021 em uma posição relativa de força", disse Lakshimi Mittal no comunicado.

Aditya Mittal, o novo CEO, ingressou na empresa em 1997, após sua passagem pelo Credit Suisse Bank. Em 2006, ele participou da criação da ArcelorMittal, quando o grupo Mittal Steel se fundiu com a Arcelor.

ARCELORMITTAL


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade