Publicidade

Estado de Minas Boeing 737

Avião desaparece na Indonésia minutos após decolar

Boeing 737-500 perdeu mais de 10 mil pés de altitude em menos de um minuto quando sobrevoava o Mar de Java


09/01/2021 08:29 - atualizado 09/01/2021 08:56

Avião desaparecido é do modelo 737-500, fabricado pela Boeing(foto: REPRODUÇÃO/FLIGHTRADAR)
Avião desaparecido é do modelo 737-500, fabricado pela Boeing (foto: REPRODUÇÃO/FLIGHTRADAR)
Um avião da companhia aérea Sriwijaya Air desapareceu neste sábado (9/1) dos radares pouco após decolar do aeroporto de Jacarta, capital da Indonésia. O governo confirmou à imprensa local que começará uma operação de busca na região próxima ao local do desaparecimento.

Segundo o site especializado FlightRadar24, o avião perdeu mais de 10 mil pés de altitude em menos de um minuto quando sobrevoava o Mar de Java, logo depois de decolar da capital Jacarta.

Ponto em que a aeronave desapareceu dos radares. Ela foi detectada pela última vez no Mar de Java(foto: Reprodução/FlightRadar24)
Ponto em que a aeronave desapareceu dos radares. Ela foi detectada pela última vez no Mar de Java (foto: Reprodução/FlightRadar24)
Os dados do site mostram que a aeronave, além de perder altitude de forma brusca, teve um pico de velocidade de 663 km/h antes de desaparecer. A 10.900 pés após quatro minutos da decolagem, o avião estava a 531 km/h, número que foi caindo para 414 km/h e 355 km/h à medida em que era registrada a queda, chegando até a primeira velocidade citada.

Linha amarela no gráfico mostra o histórico de velocidade da aeronave, enquanto a linha azul indica a altitude. É possível ver que a velocidade dá um 'salto' antes do desaparecimento do avião(foto: Reprodução/FlightRadar24)
Linha amarela no gráfico mostra o histórico de velocidade da aeronave, enquanto a linha azul indica a altitude. É possível ver que a velocidade dá um 'salto' antes do desaparecimento do avião (foto: Reprodução/FlightRadar24)
A aeronave, um Boeing 737-500, fazia o voo SJY 182 entre Jacarta e Pontianak, na província de Kalimantan, ambas na Indonésia.

Ainda não há informações de quantos passageiros estavam a bordo. 

A companhia anda não se pronunciou publicamente. 

A Indonésia, um arquipélago do sudeste asiático com 17.000 ilhas e ilhotas, é muito dependente do transporte aéreo, e os acidentes são frequentes.

Aguarde mais informações 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade