Publicidade

Estado de Minas

Papa pede às partes em conflito na Etiópia que cessem a violência


27/11/2020 16:49

O Papa Francisco pediu nesta sexta-feira (27) às partes em conflito na Etiópia que parem com a violência e protejam, em particular, as vidas dos civis.

"O Santo Padre segue a informação vinda da Etiópia, onde um confronto militar ocorre há semanas [...] Devido à violência, centenas de civis morreram e dezenas de milhares de pessoas são forçadas a fugir de suas casas para o Sudão", disse o diretor da assessoria de imprensa do Vaticano, Matteo Bruni, em um comunicado.

"Os confrontos, que se intensificaram ao longo dos dias, já causaram uma grave situação humanitária. O Santo Padre [...] lança um apelo às partes em conflito para que cessem a violência, para proteger vidas, particularmente as de civis, para que a população recupere a paz", acrescentou.

O primeiro-ministro da Etiópia, Abiy Ahmed, reafirmou nesta sexta-feira que é seu dever "manter a ordem" na Etiópia, no final de uma reunião organizada em Adis Abeba com enviados especiais da União Africana (UA) para realizar a mediação no conflito em Tigré, região dissidente no norte do país.

Na quinta-feira, Abiy ordenou ao exército o lançamento da "última fase" da operação militar que começou em 4 de novembro na região, com o ataque à sua capital, Mekele.

No momento, não há nenhum balanço preciso do conflito, mas várias centenas de pessoas foram mortas.

Mais de 43.000 etíopes fugiram para o vizinho Sudão, segundo a Agência de Refugiados da ONU.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade