Publicidade

Estado de Minas

Mark Fast e Bora Aksu desfilam com público na semana de moda de Londres


18/09/2020 15:01

Os estilistas canadense Mark Fast e turco Bora Aksu apresentaram suas coleções primavera/verão 2021 nesta sexta-feira (18) na London Fashion Week, entre os poucos que mantiveram seus desfiles com público em tempos de coronavírus.

Bora Aksu apresentou uma coleção romântica, vestidos longos com babados sobrepostos e tons pastéis translúcidos em modelos que usavam delicadas máscaras de tule em desfile ao ar livre diante de alguns espectadores que mantinham uma distância considerada segura.

"Decidi fazer o desfile porque acho que todos nós precisamos continuar sonhando", disse o estilista ao jornal London Evening Standard.

O rei do tricô, Mark Fast, optou por uma coleção mais energética, em que ousou no uso do verde e do rosa neon.

Sobre uma saia justa decorada com plumas, um moletom com o logotipo "FAST" dá o tom para seu conhecido estilo de streetwear.

Apenas poucos dos 80 estilistas que participam desta semana de moda organizaram desfiles "presenciais".

A maioria apresenta suas criações por meio de vídeos postados na internet, ou apenas com hora marcada, para um pequeno número de compradores e críticos de moda.

Para alguns, a pandemia foi a ocasião para repensar o evento anual.

Halpern homenageou aos profissionais da saúde pedindo que oito mulheres que atuam na área participassem como modelos na apresentação em vídeo de sua coleção.

Uma delas, Arianna, uma enfermeira espanhola que mora em Londres, trocou sua bata de hospital para desfilar virtualmente com um vestido de plumas rosa e preto com estampa de leopardo nas mangas.

"Esta coleção foi criada para homenagear as mulheres que estão na linha de frente (da pandemia) e para todos aqueles que possam se sentir inspirados e encorajados", declarou o estilista americano Michael Halpern, de 31 anos.

A rainha do punk Vivienne Westwood, cujo marido Andreas Kronthaler, 25 anos mais jovem, atualmente cria as coleções de sua marca, usou a Fashion Week para transmitir uma mensagem: "compre menos, vista-se bem, faça intercâmbio de roupas".

"Nosso objetivo é mostrar uma única coleção por ano", afirmou a estilista e ativista de 79 anos, que é contra a corrente do "fast fashion" e seus danos ao meio ambiente.

Sua coleção unissex é inspirada nos tradicionais cortes ingleses, tendo liberdade para o uso de estampas e com acessórios como botões.

Nas máscaras dos modelos, duas palavras resumem a designer: "True Punk" ("Punk Verdadeira").


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade