Publicidade

Estado de Minas

Reino Unido pede à França que tome medidas contra as travessias de migrantes


01/08/2020 12:43

O governo britânico pediu, neste sábado, que a França endureça suas medidas para combater as travessias ilegais de migrantes a bordo de pequenas embarcações no canal da Mancha, considerando seu nível "inaceitável".

"O número de travessias a bordo de pequenas embarcações que observamos procedentes da França é inaceitável", declarou neste sábado o secretário de Estado de Imigração, Chris Philp, que destacou que "migrantes continuam chegando a Calais [norte da Fraça] para fazer a travessia".

"Os franceses devem tomar medidas mais firmes", acrescentou Philp, e estimou que devem ser implementadas "intercepções no mar e devoluções directas dos barcos".

A polícia fronteiriça interceptou 96 migrantes na sexta-feira, de acordo com as autoridades britânicas. No dia anterior, 202 migrantes conseguiram chegar às costas inglesas a bordo de 20 embarcações, um recorde em um só dia.

Segundo um balanço da agência de notícias britânica PA, só em julho mais de 1.000 migrantes conseguiram atravessar o canal da Mancha, um dos mais frequentados do mundo.

As autoridades francesas interceptaram desde 1o de janeiro pelo menos 682 pessoas que tentaram atravessar o canal em barcos improvisados ou nadando, segundo um balanço da AFP.

A ministra britânica do Interior, Priti Patel, se reuniu recentemente com seu homólogo Gérald Darmanin para colocar em andamento uma "célula franco-britânica de inteligência" para combater os traficantes de pessoas.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade