Publicidade

Estado de Minas

Governo nega que Espanha esteja em uma segunda onda da COVID-19


30/07/2020 17:43

A Espanha não está passando por uma segunda onda do novo coronavírus, mesmo com os indicadores que mostram o ressurgimento de focos da COVID-19 em todo país, declarou nesta quinta-feira (30) o diretor do centro de emergências sanitárias do país, Fernando Simón.

O número de novos casos diários foi de 1.229 nas últimas 24 horas, totalizando 285.430 até o momento, informou Simón.

Nos últimos sete dias, houve mais de 1.900 novos casos por dia, triplicando o número de casos no prazo de duas semanas.

Como resultado, vários governos regionais, como resposta às questões de saúde, reforçaram as medidas de combate à pandemia.

"Se podem vir as segundas ondas depois, eu não sei. Se essas já acontecem, certamente não percebo. Se fosse assim, estaríamos em uma situação muito diferente", declarou o diretor.

"O que podemos definir melhor como uma segunda onda seria o momento em que tivermos ampla transmissão descontrolada da comunidade", acrescentou a autoridade da Saúde na Espanha.

"No momento, não podemos sequer pensar nessa situação na Espanha. Nem na Espanha nem na maior parte da Europa", finalizou.

Segundo os números oficiais, a Espanha registrou 28.443 mortes causadas pela pandemia.

Muitos países europeus, incluindo a França, desencorajaram seus cidadãos a viajar para a Espanha por causa do aumento no número de casos.

O Reino Unido, por sua vez, anunciou a imposição de uma quarentena obrigatória para os viajantes que chegarem ao seu território vindos da Espanha.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade