Publicidade

Estado de Minas

Trump comuta pena de prisão de seu amigo Roger Stone


postado em 10/07/2020 22:25

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, comutou a sentença de prisão de seu amigo Roger Stone, condenado em fevereiro a 40 meses de prisão por obstruir uma investigação do Congresso ligada à conspiração russa nas eleições de 2016.

"Roger Stone agora é um homem livre!", indicou a Casa Branca em um comunicado dias antes do consultor político republicano de Trump e confidente aparecer na prisão federal para começar a cumprir sua sentença.

Stone foi condenado em novembro passado por mentir ao Congresso, manipular um testemunho e obstruir a investigação da Câmara dos Representantes sobre o apoio da Rússia na campanha de Trump em 2016.

A declaração da Casa Branca reiterou a acusação de Trump de que o procurador especial Robert Mueller investigou um suposto crime que nunca foi cometido.

Ele argumentou que Stone, portanto, nunca deveria ter sido acusado.

"O simples fato é que, se o procurador especial não tivesse realizado uma investigação absolutamente infundada, Stone não seria condenado à prisão", afirmou.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade