Publicidade

Estado de Minas

Norwegian Air Shuttle cancela pedido de 97 Boeings


postado em 29/06/2020 19:31

A transportadora de baixo custo Norwegian Air Shuttle, cujas dificuldades financeiras foram exacerbadas pela pandemia da COVID-19, anunciou nesta segunda-feira o cancelamento de um pedido de 92 Boeing 737 MAX e 5 Dreamliner.

A Norwegian também afirmou em comunicado que iniciou uma ação legal para obter uma compensação pelas perdas sofridas como resultado da imobilização do Boeing 737 MAX em março de 2019 após dois acidentes fatais no mundo e pelos causados por problemas de motorização de seus dREAMLINES 787.

"A Norwegian entrou em diálogo comercial com a Boeing para resolver seus problemas com o 787 e 737 MAX e obter compensação por suas perdas", afirmou a companhia.

"O diálogo não levou [até o momento] a um acordo com remuneração razoável para a empresa", acrescentou.

A terceira empresa europeia de baixo custo, que já possui 18 Boeing 73 MAX e cerca de trinta Dreamliners em sua frota, também está exigindo reembolso pelos depósitos já pagos pela aeronave encomendada.

A companhia, que já estava passando por grandes dificuldades financeiras antes da crise da saúde, foi severamente afetada pela pandemia, que paralisou o transporte aéreo.

Este anúncio chega no mesmo dia em que o Boeing 737 MAX iniciou seus voos de recertificação nos Estados Unidos, uma etapa crucial para a sobrevivência do carro-chefe da gigante aeronáutica americana.

Compartilhe no Facebook
*Apenas para assinantes do Estado de Minas

Publicidade