Publicidade

Estado de Minas

Sudão receberá ajuda internacional de 1,8 bilhão de dólares


postado em 25/06/2020 14:49

O Sudão receberá uma ajuda internacional no valor de 1,8 bilhão de dólares, anunciou nesta quinta-feira uma conferência de doadores reunida por videoconferência.

"Esta conferência abre um novo capítulo na cooperação entre o Sudão e a comunidade internacional para a reconstrução do país", declarou o ministro das Relações Exteriores alemão, Heiko Maas, que foi o anfitrião desta conferência organizada em parceria com a União Europeia, a ONU e o Sudão.

Do montante prometido por cerca de 40 países, 500 milhões de dólares serão destinados a um programa de ajuda às famílias sudanesas.

Apesar de o Sudão continuar na lista norte-americana de países que colaboram com o terrorismo, Washington contribuiu com mais de 350 milhões de dólares.

O primeiro-ministro sudanês, Abdalá Hamdok, elogiou o resultado "sem precedentes", e disse que sente "bases sólidas para avançar".

Mais de um ano depois da queda do presidente Omar al Bashir, o Sudão tem que lidar com uma inflação descontrolada, enorme dívida pública e a queda de suas reservas estrangeiras.

Em meio à batalha contra a pandemia de COVID-19, os sudaneses também enfrentam uma escassez de medicamentos.

Depois de uma queda em sua economia de 2,5% em 2019, o FMI estimou que neste ano o PIB do país cairá em 8%.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade