Publicidade

Estado de Minas

Austrália mobiliza mil soldados para conter foco de COVID-19 em Melbourne


postado em 25/06/2020 07:55

O Exército australiano anunciou, nesta quinta-feira (25), o envio de cerca de mil soldados para Melbourne, a segunda cidade mais populosa do país, para tentar conter um foco de coronavírus.

Segundo a ministra da Defesa, Linda Reynolds, os militares ajudarão a monitorar a evolução dos viajantes em quarentena em hotéis. Também prestarão apoio logístico nos lugares onde estão sendo realizados testes de diagnóstico.

O novo foco de casos apareceu em um hotel de Melbourne, onde estavam alojados australianos que haviam retornado do exterior, e em uma loja de roupas no norte da cidade.

O país acreditava ter controlado a epidemia, mas 150 novos casos surgiram na semana passada. Na quinta-feira, as autoridades anunciaram outros 37 casos positivos, a maior alta em 24 horas desde meados de abril.

Segundo o ministro australiano da Saúde, Greg Hunt, o apoio do Exército permitirá "fazer mais testes e obter os resultados rapidamente".

Além disso, cerca de mil funcionários estão visitando casa por casa na zona afetada para testar os moradores. O objetivo é realizar em torno de 100.000 testes nos próximos dez dias.

A Austrália é um dos países tomados como modelo de gestão da crise da pandemia da COVID-19. Até agora, foram registrados 7.500 casos e 104 óbitos em uma população de 25 milhões de pessoas.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade