Publicidade

Estado de Minas

Ataque no centro de Mali deixa mais de 20 mortos


postado em 06/06/2020 09:43

Mais de 20 pessoas morreram na sexta-feira (5), em um ataque contra seu povoado no centro de Mali - informaram fontes de uma associação e duas autoridades locais neste sábado (6).

Os habitantes da localidade alvo do ataque, Binedema, na região de Mopti, pertencem principalmente à comunidade fulani, afirmou Aly Barry, da associação desta etnia, relatando que há 26 mortos. Este número foi confirmado por duas fontes oficiais.

O centro do Mali é palco de episódios violentos desde 2015.

Um grupo extremista liderado pelo pregador Fulani Amadou Koufa ganhou força, recrutando muitas pessoas em sua comunidade. Uniu-se ao Grupo de Apoio ao Islã e aos Muçulmanos (GSIM, também conhecido como JNIM), principal aliança jihadista do Sahel afiliada à Al-Qaeda desde sua criação em 2017.

Muitas vezes seguidos de represálias, os ataques se multiplicaram e começaram a acontecer entre as comunidades, com os Fulani - criadores de gado em sua maioria - de um lado, e as etnias bamabra e dogon - agricultores -, de outro.

Compartilhe no Facebook
*Apenas para assinantes do Estado de Minas

Publicidade