Publicidade

Estado de Minas

Advogado chinês reencontra família após quase cinco anos de prisão


postado em 27/04/2020 16:13

O advogado chinês e defensor dos direitos humanos Wang Quanzhang reencontrou sua família nesta segunda-feira (27) em Pequim, depois de quase cinco anos de prisão por "subversão".

"Espero poder ficar", disse Wang à AFP depois de rever a esposa e o filho de sete anos.

Detido em 2015 durante uma operação contra cerca de 200 ativistas, o advogado de 44 anos foi libertado no início de abril, mas teve que ficar em quarentena em sua cidade natal, Jinan (leste), devido à epidemia de COVID-19.

Segundo Quanzhang, mesmo após completar os 14 dias de isolamento, ele ainda não havia sido autorizado a deixar Jinan e voltar para sua casa em Pequim, apesar de cinco testes negativos para o coronavírus.

"É como um sonho, nos últimos cinco esperei muito por esse momento", declarou aos prantos sua esposa, Li Wenzu, em um dos vídeos sobre o comovente reencontro que circularam nas redes sociais.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade