Publicidade

Estado de Minas

Cerca de 450 bolivianos terminam quarentena no Chile e retornam ao país


postado em 20/04/2020 18:50

Cerca de 450 bolivianos completarão uma quarentena de sete dias em um abrigo na cidade de Iquique, no norte do Chile, e agora estão retornando ao país depois de descartarem um possível contágio por coronavírus, informaram as autoridades locais.

Visivelmente felizes, os bolivianos agradeceram às autoridades chilenas por tê-los abrigado em uma escola pública em Iquique, onde concluirão a quarentena, que foi acordada pelos governos de dois países antes que eles pudessem atravessar para fronteira, fechada após a pandemia. de COVID-19.

Por duas semanas, houve confrontos entre bolivianos que queriam entrar na Bolívia e os militares do país.

Sem comida e acomodação, as autoridades chilenas decidiram transferi-los para Iquique em uma operação humanitária.

Depois de deixar a escola, onde receberam comida e passaram por exames regulares de saúde, bolivianos, incluindo crianças e idosos, pegaram vários ônibus que o levarão à fronteira, a cerca de 250 km de Iquique.

Eles passarão por outro período de confinamento em Pisiga - uma cidade localizada no lado boliviano da fronteira - em um acampamento montado pelo governo de La Paz.

Mais de 400 bolivianos permanecem no abrigo de Iquique. Eles retornarão ao seu país assim que o período de confinamento terminar.

Na cidade vizinha de Antofagasta, dezenas de bolivianos também estão na quarentena em uma escola antes de retornar ao país.

A maioria dessas pessoas queria voltar à Bolívia porque perderam seus trabalhos no Chile devido à crise da saúde.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade